Tag: dr. martens

Look: Lumberjack @ Portland, Oregon

Portland é um lugar muito curioso nos Estados Unidos. Como uma cidade de só 500 mil habitantes pode ter uma cena criativa tão interessante, um centro de inovação e referência em qualidade de vida, bem-estar, saúde, tecnologias e novidades? Além da cidade industrial, Portland está rodeada por florestas que no outono revelam as cores da estação, em um clima total lumberjack. Anote na sua lista de destinos!

Portland is a very curious place in the United States. How is it possible that a city with only 500 thousand inhabitants has such an interesting cultural scene and becomes an innovation hub, a reference in standard of living, wellness, health, technologies and novelties? Besides the industrial aura, Portland is surrounded by forests that reveal its shades during fall, in a lumberjack mood. Add it up to your destination list!

Tricô comprado nas ruas do Peru | Calça Asos | Botas Dr. Martens Tricot bought in the streets of Peru | Pants Asos | Boots Dr. Martens

Fotos de Raul Aragão

Look: Best from the Past

Achei no fundo do baú, ops, HD

AMP T-Shirt | ZARA Pants | Dr. Martens Shoes | Vintage Rings

So that probably has happened to you too: you find your old HD with a lot of pictures from the past [not that long ago, one year] and you run into this cool look you’ve never posted before. I was obsessed with this shirt for many seasons, I think it’s the perfect solution for clean, cool design with an edge. The rest of the look completes the casual-chic idea. And most importantly, perfect for filming and not feeling hot.

Talvez isso já tenha acontecido com você: eis que surge um HD com um monte de fotos antigas que você nunca postou [não tão velhas, um ano atrás], e você encontra esse look incrível. Durante muito tempo eu fui obcecado por essa t-shirt, pra mim é uma solução perfeita de design clean, cool, com um algo a mais. O resto do look completa mais a ideia casual-chique. E o principal, perfeita para gravar sem passar calor.

Hey baby, I’m a rockstar

“Tá calor, tá quente”, diria a Mulher Filé através de seu “hit”. Mas não tem clima bom, ruim ou seja lá o que for quando o assunto é admirar roupas no melhor estilo rocker. A Burberry lançou uma coleção de itens que dialoga com sua fragrância Brit Rhythm, chamada Brit Rhythm Collection, que tem os dois pés no rockstar style: muito couro, recortes, spikes e, claro, preto.

Sentiu a vibe no vídeo? Então, a gente separou as melhores peças. E sim, já pode querer todas, tá tudo muito lindo!

E pra completar, o The Fashionisto fez uma listinha com outros itens, de marcas diversas, que combinam o couro com spikes e tem tudo a ver com a temática da Burberry. Por isso, não dá pra não compartilhá-los aqui:

Tem esse Oxford maravilhoso da Prada.

Esse cinto da Yves Saint Laurent (destaque também pra camisa!).

 

O coturno da queridinha Dr. Martens.

E pra finalizar, camiseta também Burberry, só que de outra coleção. Quero pra ontem!

Look: USP de Saia

 

 

Alunos da USP se juntaram nesta quinta-feira, 16 de Maio, para protestar contra o preconceito de gênero e sexualidade após um aluno da Escola de Comunicação sofrer bullying por vestir saia. Centenas de rapazes compareceram aos campi da USP com saias dos mais diversos tipos. Em breve, cobertura completa do evento no GNT Fashion

Boné Vans
Camisa Zara
Blazer João Pimenta
Saia João Pimenta
Botas Dr. Martens

Agora é tudo anos 90

Os anos 90 são a minha atual obsessão fashion, como vocês devem ter visto nos looks que eu usei nas semanas de moda, e até no dia a dia. Tudo me faz lembrar dos anos 90. A explosão de cores, os shapes mais esquisitos, a overdose de informações. Tanta coisa aconteceu naquela época: do Plano Real à evolução tecnológica, o PC, o Windows 95, o início da internet e o mIRC, ICQ. Tem um montão de assunto que vai render muito post aqui no blog. E eu, filho dos anos 90 que sou (nasci em 1987, mas só me entendi por gente a partir dos 90), não tinha como amar mais esse trend, que traz tantas memórias.

Escolhi alguns ícones dos anos 90 pra gente começar a atualizar o guarda-roupa. Não é fácil encontrá-los, sobretudo nas lojas comuns de shopping center ou de rua, principalmente no Brasil. A dica é se enfiar pelos brechós mesmo e tentar contar com a sorte.

NA FOTO: Beverly Hills 90210

Vamos começar pelo jeans, super ícone 90, e a calça Levi’s 501, que marcou a indústria A Levi’s 501 hoje em dia não tem mais o mesmo shape, porque eles atualizam. O legal é encontrar alguma calça vintage mesmo, que tem a cintura nas alturas, e o corte reto. Deixe a skinny de lado por um tempo.

E o principal, as cores – nada dos azuis mais escuros, ou das calças rasgadas. A boa é ir de azul clarinho ou indigo blue, o azul clássico, que a gente vê nessa foto acima. Sem muitos detalhes, sem essa cara de calça feita na Itália (Diesel, Cavalli, etc.). Acid wash também é uma ótima opção. E nada mais anos 90 do que jaqueta e calça do mesmo tom, quando o inverno chegar.

Calça vintage Lee Acid Wash, e pra completar o look, um Nike Air Force One branco, ou qualquer outra basqueteira (como a gente chamava no Recife)

Quem nunca foi ‘obrigado’ pela mãe a usar um macacão da Pakalolo pra ir em uma festinha infantil? O macacão masculino se transformou em uma peça ‘proibida’ durante muitos anos, mas já pode começar a correr atrás do seu. Tem que ser de jeans azul, nada de sarja khaki. Com uma camisa branca básica e uma bota, já tá tudo pronto. Encontrei no site da Dickies por US$ 40, corre lá!

 

 Os bonés aba reta, acessório anteriormente exclusivo da galera do hip-hop, estão cada vez mais populares – e o mais legal é encontrar os bonés dos times de basquete americanos que marcaram os anos 90, como Chicago Bulls, Phoenix Suns, Charlotte Hornets, Los Angeles Lakers, e por aí vai. As marcas mais legais são New Era, Starter e Hurley. E um detalhe: pra ser 90 de verdade, tem que ser snapback, ou seja, com o fecho de plástico ajustável.

Um dos hits mais icônicos dos anos 90 para os homens são as jaquetas super coloridas, imortalizadas pelo Will Smith em The Fresh Prince from Bel-Air. AMO/SOU. Quanto mais cores e ilustrações na estampa, melhor. Geralmente elas são feitas de tactel e tem o shape largo, típico da época, bem antes de tudo virar slim fit. Uma boa opção também são as jaquetas feitas de tyvek, um tecido tecnológico bem resistente. Corre pro brechó agora!

Tá com preguiça de pensar em um look? Camiseta branca com a manga dobrada, calça jeans Levi’s 501 e Dr. Martens preta. Nos anos 90, essa combinação era praticamente um uniforme para os rapazes. Hoje em dia as Dr. Martens existem em todas as cores e estampas que você imaginar, mas bom mesmo é ter uma preta, básica, que combina com tudo. As Dr. Martens foram feitas pra durar muito, e aguentam o tranco. Eu tenho um amigo que tem uma vinho desde 1986. E quanto mais velhinha ela fica, mais bonita.

Falar que o Mickey orkutizou é um pouco forte – mas como ícone fashion, cansou um pouco, porque todo mundo já usou. E com o retorno dos anos 90, a onda dos cartoons é relembrar a galera da Looney Tunes (Pernalonga, Piu-Piu, Taz-Mania), o Scooby-Doo, e os Simpsons. O Jeremy Scott desfilou neste ano sua coleção em New York e fez uma homenagem ao Bart Simpson (ver montagem), dando mais força ainda ao trend.

Houve uma época em que todo mundo enterrou os camuflados e os substituiu pelo xadrez, nas mais variadas formas. Com essa onda sertaneja toda, melhor guardar o xadrez e dar uma chance ao camuflado, que pode ser com uma cara mais vintage, de preferência oversized, ou bem 2012, como nos tênis da B.ape (o coloridão acima), ou o Adidas para Jeremy Scott, um dos meus atuais sonhos de consumo.

Colaborou: Mateus Habib