Tag: anos 90

9 tendências que eram moda na década de 90

Tem mais de vinte anos desde que os noventa chegavam, como toda década, ditando suas modas. Mas parece ter sido ontem que, além das memoráveis Spice Girls, das deliciosas boybands e do icônico “Friends”, vimos tantas coisas que hoje achamos tenebrosas sendo os hits da vez. Essa lista mostra nove das mais bombadas tendências da moda masculina que um dia você achou legal, e realmente eram – ou não.

1. Tênis Fila ou Nike Air Jordan

Os tênis de basquete começaram a ganhar as ruas.

2. Calções Umbro

Certeza que seu pai tinha um desses.

3. Brincos de argola

Nas duas orelhas, os gatinhos das boybands abusavam e as mina piravam.

4. Xadrez flanelado

Fazendo a linha rockstar descolado.

5. Bonés FUBU

O New Era da vez.

6. Baggy

O trendy era usar uma calça que tinha tecido pra pelo menos três outras.

7. Ombreira + camiseta + cinto + cintura alta

Combinação indispensável para os galãzinhos.

8. Gola rolê

E você ficava elegante, bem vestido, é.

9. Papete

Quase tão cool quanto uma pochete, gente!

Particularmente sinto saudade das “Patricinhas de Beverly Hills”…

Algo mais a dizer?

Cuffed trousers, ou calças com punho, você encara essa?

Na década de 90, as calças com punho eram sucesso principalmente entre as mulheres. Nos anos 2000, os modelos passaram a ser considerados crimes conta o bom gosto. Mas o conceito vem ganhando releituras de algumas marcas, como da inglesa Topman, que está apostando na inspiração e lançando uma coleção que promete agradar aos fashionistas.

As cuffed trousers – como a Topman chama sua linha de calças nesse estilo – serão vistas em larga escala em sua temporada primavera-verão. Como a grife possui lojas aqui no Brasil (em São Paulo, nos shoppings JK Iguatemi e Iguatemi) e além disso faz vendas online para o nosso país, você pode pode aproveitar a ideia nos seus looks e até mesmo encontrar outras marcas que ofereçam o produto. Olha só como pode ficar bem legal:

20 anos de Power Rangers

Para quem foi criança na década de 90, Power Rangers é um clássico. Porém, mais do que a surpresa de descobrir que a primeira geração deles completa 20 anos em 2013, é saber que a franquia ainda existe e está em sua vigésima temporada. Sim, pasmem!

Aqui no Brasil, sem dúvidas, os queridinhos são os personagens da Mighty Morphin (primeira temporada e a mais longa de todas, com 145 episódios). Tanto que, aposto que você, além de odiar a Rita Repulsa, feiticeira intergalática, cantou muito isso ao som de Sandy & Junior, acertei?

Tudo bem que o impacto causado quando surgiram já virou poeira aqui ou em qualquer outro cosmo, mas negar a influência de um ícone da cultura pop é heresia. Por isso a Saban, produtora responsável pelos defensores do bem contra o mal, lançou um vídeo muito bacana que mostra a evolução dos uniformes utilizados pelo rangers desde 1993 até agora.

Dá o play, é hora de morfar!

 

 

Os Anos 90 de A a Z

A. Axé Music

Se tem um estilo musical que é A CARA dos anos 90 no Brasil, é o Axé Music. Nascido logo no início da década com Margareth Menezes e Daniela Mercury, acabou virando uma big indústria que conquistou o Brasil ao máximo com É O Tchan, e zilhões de outras da mesma leva. Do axé surgiu a musa maior da música brasileira: Ivete Sangalo!

B. Brad Pitt

O galã dos galãs dos anos 90, Brad Pitt tinha que ser um item da nossa lista. A trajetória dele na década foi impressionante, em filmes como Thelma e Louise [91], Entrevista com o Vampiro [94] e Clube da Luta [99]. Pra completar, Brad foi eleito o homem mais sexy do mundo pela Revista People em 95. Sex symbol da época! [e de hoje, né]

C. Calvin Klein Jeans

Popularizados por Kate Moss, o jeans da Calvin Klein foram os mais desejados da época. Mas não eram só os jeans que davam popularidade pra marca. Suas propagandas com conteúdo sexy, homoerótico e junkie levaram os mais conservadores à loucura, o que só fez bombar mais a CK.

D. Dance Music

“Ooh ooh aah aah sexy eyes
I’m gonna take you to paradise”
Depois do progresso da música para dançar dos anos 70 e 80, anos 90 sofreram com uma enxurrada de músicas descartáveis e ruins. Ok, hoje em dia a gente pode até achar que são “clássicos”, mas vamos combinar: era muito ruim!

E. Escolinha do Professor Raimundo

Com sua primeira [e principal] fase começando em 90 e terminando em 95, a Escolinha era um ótimo programa de humor às antigas. A receita é usada até hoje: personagens com bordões repetidos em toda aparição. O bacana dela é que reunia os maiores comediantes de todas as épocas num programa só, sem baixar o nível e sem humilhar ninguém. <3

F. F.R.I.E.N.D.S

Série favorita de 10 entre 10 adolescentes, todos queriam ter uma vida Friends. Morar sozinho numa metrópole e ter uma turma de amigos que se vê todos os dias. A grande sacada da década na TV. EU AMO PHOEBE <3

G. Grunge

Quem não adora chamar aquele seu amigo de cabelo desgrenhado e camisa xadrez de flanela de grunge? O que era só um estilo musical acabou virando um movimento. Como uma ressaca de todas as drogas pesadas dos 80, o grunge era melancólico e escuro, assim como os rapazes do movimento. E claro, Nirvana.

H. Hard Rock Café

Quem não queria, pelo menos no Brasil, uma peça de roupa ou acessório do Hard Rock? Camisetas, moletons, bonés, buttons e tudo que tinha aquele famoso logo era desejado. E a graça era: quanto mais longe o Hard Rock de origem da sua peça, mais cool você era.

I. Internet Porque se não fosse ela, não estaríamos aqui. <3

J. Jardineira

Taí uma peça de roupa que foi popular nos 90’s. Jardineira, macacão, overall, com alpercatas. Fundamento fashion.

K. Keds

Se tem algo que não tem como negar que é a cara dos anos 90 é o combo Calça Fusô (haha) + Keds. Febre entre principalmente as mulheres, hoje em dia ele voltou nos pés femininos e nos masculinos também.

L. Laura Pausini

“Chissà se tu mi penserai Se con i tuoi non parli mai Se ti nascondi come me Sfuggi gli sguardi e te ne stai Rinchiuso in camera e non vuoi mangiare Stringi forte a te il cuscino Piangi e non lo sai quanto altro male ti farà la solitudine”

NÉ?

M. Macarena

O “Nossa, nossa, assim você me mata” – só que mais legal – dos anos 90, é um clássico até hoje. Podem julgar, mas muito bem colocada, numa pista ela ainda funciona!

N. Napster

Como não esquecer a primeira grande ponte para downloads de mp3? O Napster, amado por nós e odiado pelas gravadora – mudou o jeito que se consome música até hoje, uma das grandes ferramentas na revolução digital.

O. Oakley

A Oakley ainda existe, se mantém como uma marca muito bacana de lifestyle e sportwear, mas que ela teve seu auge nos anos 90, ah se teve! Os óculos de material inquebrável, com lente feita para os astronautas da NASA, os espalhados azuis e laranjas eram sonho de consumo de uma geração. Aqui no Brasil custavam uma fortuna!

P. Polo Sport

A cara dos Anos 90, junto com Azzarro [vixe!] e CK One [yeah!]

Q. Quentin Tarantino

Se tem alguém que soube trabalhar a cultura pop produzida em décadas esse alguém foi Tarantino. Colocando gangters em conversas inusitadas e abusando da violência e da linguagem de videoclipe, com certeza é o grande diretor da década.

R. Reality Shows

Foi nos 90 que os Reality Shows apareceram para se tornarem o grande caça-níqueis da TV nos anos 2000. Na gringa eles já eram produzidos em larga escala desde o final da década. Real World na MTV, Survivor e Big Brother foram os primeiros da linha que viraram febre mundial.

S. Spice Girls

Na década das mega-estrelas teen, nada mais representativo que as Spice Girls. A única girl band realmente legal no paraíso das boy bands. Em apenas 3 discos (ok, só 2 são realmente legais) elas dominaram o mundo pop nos últimos anos da década e são lembradas com carinho até hoje!

T. Teen Movies

10 Coisas Que Odeio em Você, Ela é Demais, American Pie, Pânico, Segundas Inteções… definitivamente a indústria Hollywoodiana cnoseguiu explorar ao máximo o público que mais consome sem pensar: os adolescentes!

U. Über Models

Os 90’s foram a era das modelos. Elas ultrapassaram as barreiras das passarelas e editorias e se tornaram verdadeiras pop stars. Naomi Campbell, Cindy Crawford, Linda Evangelista, Kate Moss são as maiores representantes dessa época de ouro do “mundo das passarelas”, participaram até o clipe Freedom do George Michael.

V. Video Game

Depois do surgimento do Atari nos anos 80, os Video Games viraram item obrigatório em qualquer casa brasileir. Foram várias marcas e modelos que surgiram e cresceram na década: Mega Drive, Super Nintendo, Game Boy e Playstation. Alex Kid, Super Mario World, Sonic. Eita saudade.

W. Whitney Houston

Com um dos maiores sucessos de todos os tempos na música (e conseqüentemente nas trilhas sonoras), I Will Always Love You, Whitney viu seu auge nos anos 90. Voz poderosa e interpretação grandiosa foram as armas de Whitney para alcançar o topo. Mas nos 2000 ela viu sua decadência devido a problemas maiores que não valem ser lembrados. Lembremos da boa e velha Whitney, rainha pop!

X. XUXA

A Rainha dos Baixinhos continuou com sua supremacia televisiva durante todos os anos 90, e com um programa que a gente amava, o Planeta Xuxa! Todos os sábados de tarde, o Planeta Xuxa. Saudades da rainha em sua melhor forma! <3

Y. Y2K A expectativa pelos anos 2000 tomou conta da segunda metade da década. Afinal era virada de século e milênio! Quem não lembra do medo do apocalise, ou pior, do BUG DO MILÊNIO!

Z. Não conseguimos achar, dá pra acreditar? Contamos com sua ajuda nos comentários!

11 coisas que (ainda bem) ficaram nos anos 90!

Toda década produz muita coisa boa e muita coisa ruim. Aqui elencamos o que ficou nos anos 90 e não sentimos falta!

1. Clima Milênio

Duvido que entre 98 e 99 ninguém foi numa festa com tema “Milênio”. O clima da virada tomou conta de toda nossa cultura e logo figurinos, nomes de discos, filmes, músicas começaram a tentar reproduzir o que seria o futuro. Deu medo.

2. Séries teens dramáticas

Garotas problemáticas, garotos frouxos, famílias desunidas, cidade pequena, gravidez… várias séries teens abordaram esse temas, cada uma do seu jeito. E era duro aguentar todo esse dramalhão.

3. Movimento Clubber

Parecia que estava todo mundo pronto pra pegar uma nave espacial colorida e partir pra o Planet Party!

4. Vibe DEPRÊ

Espécie de ressaca moral do anos 80, que durou até 95 mais ou menos… Maiores representantes: Nirvana, Sinead O’Connor, Silverchair e The Cranberries.

5. Virgindade

Alavancada por Britney Spears (e no Brasil pela Sandy), nunca se discutiu tanto a virgindade. Qualquer artista novo que aparecia, a primeira pergunta era se a pessoa era virgem ou não e o que ela achava de se guardar para o casamento. Papo chato, ainda bem que deixou de ser tabu.

6. Vengaboys

Por motivos óbvios.

7. Banheira do Gugu

Uba uba uba He!

8. Enxurrada de suspense teen

Pânico foi legal. Eu Sei o Que Vocês Fizeram no verão passado foi legalzinho. Mas na sequência vieram filmes repetindo a mesma fórmula do “quem é o assassino” que acabaram com estilo.

9. Freddie Prinze Jr.

Freddie Prinze Jr. era um galã de filmezzz… teenzzzz…

10. Celulares gigantes

ops…

11. Internet discada

Porque se não acabasse, o mundo não seria assim.

Wishlist: Camisas Estampadas

A primeira coleção da Caio Braz Casa de Modas não nos deixa mentir: amamos camisas estampadas. Por isso, mergulhamos no universo da ASOS – loja online que reúne, além da marca homônima, outras como American Apparel, Cheap Monday, Vans, e até Vivianne Westwood – e selecionamos o que tem de mais legal quando o assunto é estampa, pra você se inspirar e claro, usar. Das maximalistas tropicais, vibrantes e enérgicas, às gráficas e étnicas passando pelas low-profile, de miudezas charminho; tem pra todos gostos e bolsos. Vem ver!

Entre no mood havaiano e vista praias, coqueiros, araras, e até abacaxis! Um charme, não?

Florais com tudo!

Go ethnic! Padronagens tribais com inspiração em desenhos astecas vêm em peso e são aposta certa.

Desenhos gracinha como âncoras, botões, chaves ou carros, em versões miudinhas, repetem-se  e formam padronagens lindas, deliciosas, queremos tudo!

 

A dica segue: pra não errar, invista com peças lisas. Se quiser arriscar, pode dar muito certo, mas também pode chumbar tudo. Portanto, seja cuidadoso: combine com alguma outra padronagem coordenada.

O que achou? Usa, já usou? Mais dicas de onde podemos encontrá-las? Comente!

 

12