12 acontecimentos memoráveis do carnaval 2017

Ah, o carnaval. É a perdição dentro da estação da perdição. É acordar cedo e dormir tarde, comer mal e beber muito, perder a noção das horas e mais ainda dos dias. Andar milhas e milhas sem nem perceber, desafiar todas as dores no corpo e a mais violenta das ressacas em nome do bloco favorito, é queimar a largada e pedir bis, é passe livre pra amar e ser amado, é achar que a vida é feita quase que só de alegrias por alguns dias. Claro, nem tudo são flores e 2017 foi especialmente difícil para o nosso clássico carnaval das escolas de samba, mas aqui a gente quer relembrar alguns momentos que nos fizeram sorrir nesse ano.

Essa turma de amigos fantasiados de Beyoncé grávida, que saiu no bloco Suvaco de Cristo, no Rio de Janeiro.

Esses dois amigos que resolveram dar uma aulinha de História em pleno carnaval, obrigada, de nada.

Essa Ivete Sangalo comprando todo o algodão doce de um vendedor no circuito de Salvador e convidando-o para subir ao trio.

E essa Ivete Sangalo saindo na comissão de frente da Grande Rio. Dançando, pulando e trocando de roupa.

Mas aí vem essa mesma Ivete e SAI CORRENDO para alcançar a tempo o último carro da escola…

Onde ela desfilou DE NOVO como destaque, na companhia de marido e filho.

“Ufa, cheguei!”

Como Ivete nunca é demais, teve também essa Ivete palhaça saindo na pipoca do carnaval de Salvador. Sem segurança, sem mimimi, na companhia de seus melhores amigos. Gênia, né nóm?

O movimento de empoderamento cada vez mais forte das manas que, especialmente no Rio de Janeiro, foram às ruas fomentando a nudez e repetindo as máximas “não é não” e “meu corpo, minhas regras” (pena que ainda temos que lembrar as pessoas disso, mas foi lindo).

Esse #ForaTemer comandado pela banda BaianaSystem em pleno carnaval de Salvador. Estão ameaçando tirá-los do carnaval do ano que vem, vê se pode?!

O “Eu Acho É Pouco”, bloco super politizado e tradicional do carnaval de Olinda, que também saiu fomentando o #ForaTemer pelas ruas!

Esse bloco, o “Boi Tolo”, que depois de 12h de desfile ainda atravessava o túnel que liga Botafogo a Copacabana. Detalhe, eles saíram divididos em cinco blocos, de cinco pontos diferentes da cidade, se reuniram na Lapa e essa travessia aí estava longe de ser o final. Aquilo que os jovens chamam de carna-rave?!

E é claro, para fechar essa lista, esse Brazinho que trintou pleno em plena festa do Rei Momo rs.

TRINTEI PARABÉNS BRAZINHO Amo vocês família #carvalheiranaladeira

Uma publicação compartilhada por Caio Braz (@caiobraz) em

Moda Masculina: os mais bem vestidos do Oscar 2017

Começando animada e terminando com uma confusão nunca antes vista da história da premiação, a 89ª edição do Oscar nos trouxe uma boa dose de polêmica que inclusive ofuscou outros momentos mais suaves da festa. Justin Timberlake abriu o rolê cantando com entusiasmo e todo mundo entrou no clima. Brie Larson teve que dar o prêmio de melhor ator a Casey Afleck e não o aplaudiu (ele é acusado de abuso e ela uma grande ativista em defesa das vítimas), repercutindo bastante. E, claro, o mais importante prêmio da noite, o Oscar de Melhor Filme, foi erroneamente entregue a “La La Land”, erro corrigido no palco por um dos produtores do musical, o que gerou um senhor burburinho. Isso só para citar alguns dos pontos altos da noite. Mas nem todo esse bafafá foi suficiente para que a gente deixasse de prestar atenção nos looks das celebs, e aqui vai a nossa lista de favoritos desse ano:

MAHERSHALA ALI

O vencedor do Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por seu papel em “Moonlight” estava elegantíssimo em seu look Ermenegildo Zegna Couture e Monique Péan all black, que deu especialmente certo pela mistura de texturas e materiais que fez toda a diferença no impacto final! Ali é o primeiro ator muçulmano a ganhar uma estatueta.

TREVANTE RHODES, ALEX R. HIBBERT E ASHTON SANDERS

Olha o tombamento desse trio maravilhoso! Os atores de “Moonlight”, que levou o Oscar de Melhor Filme, chegaram juntos e todos usando algumas das primeiras criações de Raf Simons para a Calvin Klein. Mara!

DEV PATEL

Sempre elegante, Patel chegou à cerimônia desse ano acompanhado de sua mãe e usando uma elegante jaqueta marfim. O look é Burberry!

ANDREW GARFIELD

De uma elegância clássica esse look do Andrew Garfield, que é Tom Ford. Sabe quando simplesmente tudo está no lugar onde deveria estar? Então…

JUSTIN TIMBERLAKE

Justinho abriu o Oscar com um número animadíssimo e colocou as celebs todas pra dançar, tudo isso num Tom Ford preto com textura e sapatos Christian Louboutin.

JOHN LEGEND

Legend chegou acompanhado de sua mulher (que inclusive é uma figuraça no Twitter) Chrissy Teigen. Os dois transbordaram poses amorosas no tapete vermelho enquanto expunham as escolhas da vez, John de Gucci e Monique Péan, mais uma escolha bastante clássica nessa noite de gala.

JEFF BRIDGES

O ator veterano mostrou que sabe das coisas com esse smoking de três peças.

DAMIEN CHAZELLE

O jovem diretor que vem acumulando indicações chegou ao Oscar desse ano numa combinação de azul e branco de pegada navy, tipo de mistura que a gente ama! É muito elegante, foge um pouco do óbvio preto, mas não chega a ser uma grande ousadia. Fica a dica para quem quer investir num costume legal que não seja preto!

RIZ AHMED

Tá aqui outro bom exemplo de terno azul, no caso do Ahmed um azul mais aberto que o anterior. Esse daqui é Ermenegildo Zegna

PHARRELL WILLIAMS

Para dar uma quebrada em tantos looks mega clássicos e pouco ousados, aqui está Pharrell portando sua produção Chanel.

RYAN GOSLING

Tá aqui um boy que não pode faltar na lista de bem vestidos do Oscar! O indicado ao prêmio de Melhor Ator por “La La Land” ostentou um look Gucci com o twist da camisa branca com babados

Guia alternativo para um carnaval sem cordas em Salvador

Esteja você indo passar o carnaval em Salvador ou seja você morador da cidade, aqui montamos um guia mara dos melhores rolês carnavalescos da cidade, tudo 0800, sem cordas e democrático, porque sim, é super possível curtir o carnaval da terrinha sem ter que desembolsar centenas de reais para ficar em camarotes e curtir os blocos. E para um ou outro bloco que tiver cordas, como o Gandhy, a graça também está em ver a beleza e curtir o som do lado de fora! Você já conhece o conceito de pipoca, né? Então! Cola nesse guia que seu carná vai ser só amor! Já vai montando a planilha, anotando na agenda, fazendo seu mapinha dos dias e colando na parede kkk, é muita coisa boa.

QUINTA-FEIRA, 23/02

Circuito Barra-Ondina

Luiz Caldas: 19h50

Os Mascarados (Márcia Castro com part. de Sandra de Sá): 21h05

SEXTA-FEIRA, 24/02

Circuito Barra-Ondina

Saulo: 16h15

Daniela Mercury: 18h45

Anitta: 21h30

Circuito Campo Grande

Furdunço, com várias apresentações sem cordas durante todo o dia, com a primeira atração às 14h. Alguns destaques:

As Ganhadeiras de Itapuã: 15h38

Armandinho, Dodô e Osmar: 16h20

Baianasystem: 17h08

É o Tchan: 18h

Beco das Cores

Karol Conká: 00h

SÁBADO, 25/02

Circuito Barra-Ondina

Rumpilezz: 20h15

Camarote Andante (Carlinhos Brown e convidados): 20h30

Circuito Campo Grande

Didá: 12h30 Armandinho, Dodô e Osmar: 17h

Ilê Ayê: 23h45 (o cortejo sai da Ladeira Curuzú às 21h)

Pelourinho

Baianasystem: 00h

DOMINGO, 26/02

Circuito Barra-Ondina

Armandinho, Dodô e Osmar: 18h15

Cortejo Afro: 20h30

Baby do Brasil: 21h30

Moraes Moreira: 22h15

Palco Farol da Barra

Emicida com part. de Rael: 00h

Circuito Campo Grande

Gerônimo: 14h30

Baianasystem (na Praça Castro Alves): 17h

Pelourinho

As Bahias e a Cozinha Mineira, Liniker e Tássia Reis: 19h00

Larissa Luz, Ellen Oléria e BNegão: 21h30

Bailinho de Quinta: 22h30

Polo Multicultural

Diamba

SEGUNDA-FEIRA, 27/02

Circuito Barra-Ondina

Filhos de Gandhy: 15h45

Armandinho, Dodô e Osmar: 18h45

Cortejo Afro: 21h45

Baianasystem: 22h15

Malê Debalê: 23h

Baby do Brasil: 23h30

Paulinho Boca: 23h45

Palco Farol da Barra

Luiz Caldas: 00h

Ifá com part. de Liniker e BNegão: 1h30

Circuito Campo Grande

Mudança do Garcia: 15h30

Trio Respeita as Mina (Larissa Luz, Tássia Reis e MC Carol): 17h

Sarajane: 18h30

Ilê Ayê: 19h

Beco das Cores

Liniker: 00h

TERÇA-FEIRA, 28/02

Circuito Barra-Ondina

Microtrio: 14h45

Armandinho, Dodô e Osmar: 17h45

Moraes Moreira: 20h15

Palco Farol da Barra

Baianasystem: 00h

Circuito Campo Grande

Olodum: 12h30

Daniela Mercury: 14h30

Luiz Caldas: 16h30

Margareth Menezes: 18h30

Ilê Ayê: 20h30

Contrafluxo – Praça Castro Alves

Filhos de Gandhy: 16h

Lembrando que Carlinhos Brown ainda comanda o “Arrastão da Meia-Noite”, trio sem cordas que vai fechar a folia na cidade.

Muita coisa né? Pois você não viu a missa um terço rs. A cidade terá diversos palcos espalhados, circuitos alternativos e shows e apresentações para todos os públicos e gostos! Vale a pena dar uma olhada no site oficial pra ficar ainda mais maluco com as possibilidades.

Obs: as pipocas de Armandinho, Dodô e Osmar, Moraes Moreira e Daniela Mercury são muito mara. O público é incrível e é garantia de diversão, muito suor e cerveja!

Aquecimento Oscar: fique por dentro de tudo que vai rolar na cerimônia desse ano

Está chegando uma das mais importantes premiações do cinema mundial, aquela que com frequência nos decepciona, mas nem por isso deixamos de assistir! O Oscar desse ano vai acontecer no próximo dia 26, domingo de carnaval, mas nós estaremos com um pé na folia e outro nos acontecimentos da noite? Claro que sim! A cerimônia vai rolar no Dolby Theatre, em Los Angeles, e será apresentada pelo Jimmy Kimmel, o cara do programa “Jimmy Kimmel Live”. Essa será sua estreia como apresentador do Oscar, que ano passado teve o Chris Rock como mestre de cerimônias.

“La La Land” é a aposta da vez, com nada mais, nada menos do que 14 indicações! O musical de Damien Chazelle alcançou o recorde de “Titanic” e está concorrendo inclusive a Melhor Filme, Melhor Ator (Ryan Gosling), Melhor Atriz (Emma Stone) e Direção, entre outras categorias. Aliás, vocês devem saber que Chazelle é o diretor de “Whiplash”, que concorreu ao Oscar de 2015. O cara tem só 32 anos e se levar, será o diretor mais jovem a ser agraciado com o reconhecimento. ~Apenas~.

Vocês também devem lembrar que no ano passado rolou o maior fuzuê por causa da pouca representatividade negra na premiação — justificadíssimo, diga-se. Pois esse ano a coisa melhorou um pouco, com mais negros indicados aos prêmios que contemplam atores e atrizes. Claro, ainda temos um longo caminho pela frente e não dá para tapar buraco com peneira, a mudança tem que ser real e permanente, mas temos entre os indicados inclusive Denzel Washington e Viola Davis. Em Melhor Atriz Coadjuvante são três atrizes negras indicadas, primeira vez na história do Oscar que isso acontece numa categoria de atuação.

E a Meryl Streep? A extraordinária é mais uma vez indicada a Melhor Atriz, acumulando 20 indicações e batendo seu próprio recorde. Licença né, mores.

E aí, quem já fez a maratona dos cinemas pra ficar em dia com a premiação? Aí embaixo vai uma lista dos filmes indicados em algumas das principais categorias que é pra você dar aquele checklist mara!

Melhor Filme A Chegada / Até o Último Homem / Estrelas Além do Tempo / Lion: Uma Jornada para Casa / Moonlight: Sob a Luz do Luar / Um Limite Entre Nós / A Qualquer Custo / La La Land: Cantando Estações / Manchester à Beira-Mar

Melhor Diretor Denis Villeneuve – A Chegada / Mel Gibson – Até o Último Homem / Damien Chazelle – La La Land: Cantando Estações / Kenneth Lonergan – Manchester à Beira-Mar / Barry Jenkins – Moonlight: Sob a Luz do Luar

Melhor Atriz Isabelle Huppert – Elle / Ruth Negga – Loving / Natalie Portman – Jackie / Emma Stone – La La Land: Cantando Estações / Meryl Streep – Florence: Quem é Essa Mulher?

Melhor Ator Casey Affleck – Manchester à Beira-Mar / Andrew Garfield – Até o Último Homem / Ryan Gosling – La La Land: Cantando Estações / Viggo Mortensen – Capitão Fantástico / Denzel Washington – Um Limite Entre Nós

Melhor Ator Coadjuvante Mahershala Ali – Moonlight: Sob a Luz do Luar / Jeff Bridges – A Qualquer Custo / Lucas Hedges – Manchester à Beira-Mar / Dev Patel – Lion: Uma Jornada para Casa / Michael Shannon – Animais Noturnos

Melhor Atriz Coadjuvante Viola Davis – Um Limite Entre Nós / Naomie Haris – Moonlight: Sob a Luz do Luar / Nicole Kidman – Lion: Uma Jornada para Casa / Octavia Spencer – Estrelas Além do Tempo / Michelle Williams – Manchester à Beira-Mar

Melhor Roteiro Original Taylor Sheridan – A Qualquer Custo / Damien Chazelle – La La Land: Cantando Estações / Yorgos Lanthimos e Efthimis Filippou – The Lobster / Kenneth Lonergan – Manchester à Beira-Mar / Mike Mills – 20th Century Women

Melhor Roteiro Adaptado Eric Heisserer – A Chegada / August Wilson – Um Limite Entre Nós / Allison Schroeder e Theodore Melfi – Estrelas Além do Tempo / Luke Davis – Lion: Uma Jornada para Casa / Barry Jenkins e Tarell Alvin McCraney – Moonlight: Sob a Luz do Luar

Melhor Animação Kubo e as Cordas Mágicas / Moana: Um Mar de Aventuras / Minha Vida de Abobrinha / A Tartaruga Vermelha / Zootopia: Essa Cidade é o Bicho

Melhor Longa Estrangeiro Terra de Minas (Dinamarca) / A Man Called Ove (Suécia) / O Apartamento (Irã) / Tanna (Austrália) / Toni Erdmann (Alemanha)

Melhor Documentário em Longa-Metragem Fogo no Mar / Eu Não Sou Seu Negro / Life, Animated / O.J.: Made in America / 13ª Emenda

Por sinal, fiquem de olho aqui que nós faremos aquela clássica seleção dos melhores looks da noite.

11 filmes e documentários imperdíveis para você que vai passar o carnaval em casa

A Netflix é senhora dos nossos findes e feriados preguiçosos e caseiros, né? Pra quem não tem espírito de folião e quer mesmo fugir do carnaval, aqui vai uma lista imperdível de séries e filmes documentais disponíveis na plataforma! Tem pra todos os gostos: mistério, assassinatos, histórias de gente famosa, comida, meio ambiente, moda e até o universo. Tudo da melhor qualidade! Então a dica é fazer aquela pipoca esperta e se jogar; e se você vai pular carnaval, guarda essa lista pra depois, porque é tudo imperdível real oficial.

MAKING A MURDERER

Sabe aquelas coisas que você começa a assistir e tiram seu fôlego? Então, essa série é assim. Produção da Netflix, ela conta a história de Steven Avery, um cara que passou 18 anos preso por um crime que não cometeu, é solto, se volta contra o Estado e então vira o principal suspeito de um assassinato, retornando aos tribunais. Excelente, revoltante, necessária.

ABSTRACT: THE ART OF DESIGN

Outra série documental de produção da Netflix e que foi lançada recentemente, Abstract nos apresenta grandes nomes do design em áreas variadas, suas histórias, seus processos criativos e suas buscas pessoais. Mega inspiradora!

BLACKFISH

Orcas, animais selvagens e muito inteligentes, tiradas de seu habitat natural e presas em cativeiro para servir ao entretenimento humano. O que acontece com essas baleias? O que a indústria é capaz de fazer para não perder a grana envolvida? Esse doc foca em Tilikum, a baleia do Sea World que matou sua treinadora (e inclusive morreu no início desse ano) para responder essas e outras questões desse negócio cruel.

A 13ª EMENDA

Esse longa, que estreou no New York Film Festival e é dirigido por Ava DuVernay, mostra como os negros seguem sendo escravizados, hoje em dia especialmente pelo sistema criminal, que serve como um mecanismo de segregação racial e carrega motivos políticos e financeiros por trás. É porrada, obrigatório.

COSMOS

Uma encantadora viagem pelo tempo e espaço, narrada, nessa nova versão, pelo famoso astrofísico Neil DeGrasse Tyson. Da enormidade do universo até detalhes da menor escala, é uma série para entender um pouquinho melhor o que somos e de onde viemos, expandir a mente e ficar (muito!) impressionado com o cosmos e a existência. O bagulho é louco, mesmo, e vale cada episódio.

CHEF’S TABLE

A série da Netflix já está na sua terceira temporada e apresenta, a cada episódio, um grande chef que nos conta sua história. É completamente inspiradora, bonita e está longe de ser “só” sobre comida. É sobre a vida. Ah, e é indicada ao Emmy!

O SAL DA TERRA

Um deslumbrante documentário sobre vida e obra do fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, que dedicou sua trajetória a registrar causas, como êxodos, migrações, secas, deslocamentos e outros resultados de guerras e genocídios ao redor do mundo, além de se dedicar atualmente a captar a exuberância da natureza. O doc é dirigido pelo premiado Wim Wenders em conjunto com o filho de Sebastião, Juliano Salgado.

HIP-HOP EVOLUTION

Uma série obrigatória para os amantes do hip-hop ou para quem simplesmente quer entender melhor essa história. Em cada episódio, grandes nomes da cena, como MCs, DJs e produtores, desvendam para os espectadores como surgiu essa vertente musical, lá nos anos 70, e como ela se desenvolveu.

O COMEÇO DA VIDA

Um filme lindíssimo, seja você pai ou apenas filho. Ele nos mostra as opiniões de vários experts e também as declarações de famílias quanto ao desenvolvimento de bebês, a importância das relações interpessoais nessa primeira infância e a incrível capacidade de aprendizado e absorção que as crianças têm nessa fase. É muito massa!

WHAT HAPPENED, MISS SIMONE?

Imagens raras, gravações inéditas, registros e entrevistas com pessoas próximas de Nina Simone, a revolucionária cantora de temperamento forte e ideais carregados que ela levava ao palco junto à sua performance arrasadora. O que aconteceu? Como Nina Simone se sentia quando as luzes do palco se apagavam?

IRIS

Esse doc absolutamente fascinante e inspirador acompanha a rotina de Iris Apfel, uma das grandes figuras da moda mundial do alto de seus 95 anos. Com um humor ácido e inteligente e um estilo pessoal pra lá de extravagante e único, Iris é uma mulher extremamente conquistadora, corajosa e sugestiva. É pra aprofundar e muito a nossa visão de moda e entender de maneira clara como ela pode ser esse maravilhoso mecanismo de expressão — e isso está longe de ter a ver com vestir apenas as melhores marcas, mas passa pela sua originalidade. Apaixonante!

Moda Para Homens: o oversized chegou com tudo às calças — sim, a baggy ensaia um retorno

O oversized é um fenômeno e isso é inegável, vide o tanto que andamos falando e fomentando esse concept por aqui nos últimos tempos. A trend ganhou tanta força que dela vêm brotando novas apostas que fazem parte do oversized, mas carregam fôlego próprio. É o caso das calças extra-large! Sim, o baggy, fluido e folgadão voltou e as proporções enormes tomam novamente as passarelas, sendo desfiladas num sem fim de apresentações e aparecendo cada vez mais em editoriais. E aí, quem encara?

E.Tautz (Imaxtree)

AMI e Ann Demeulemeester (Fotosite)

A gente sabe que não é exatamente a coisa mais fácil do mundo de usar, ainda mais agora, que estamos completamente habituados ao skinny, ao slim fit e essas vertentes mais justinhas de caimento, mas tantas marcas apostaram no estilo largo nas últimas semanas de moda que as atenções já se voltam às calças do tipo de um jeito diferente. Comme des Garçons, Ermenegildo Zegna, Lanvin, Louis Vuitton, Giorgio Armani e Marni foram apenas algumas das marcas que trouxeram a referência para as passarelas. Grandes nomes para grandes silhuetas (hehehe).

Comme des Garçons e Giorgio Armani (Fotosite)

Junya Watanabe e Lanvin (Fotosite)

A diversidade já se mostra dentro da tendência. Foi possível ver muita alfaiataria, mas também calças de pegada mais esportiva, moletons, outras com cara de skatista, estampas xadrez, veludo molhado, jeans, algumas mais estruturadas, outras mais descomplicadas, mas sempre exageradas, com o gancho baixo e ainda pernas enormes, a barra sobra mesmo. Nas passarelas, a proposta veio de se jogar de cabeça no oversized. Tudo é descomedido: a calça, o blazer, a camisa, a jaqueta… Fica a dúvida de como isso vai se adaptar para as ruas e para a vida, se de um jeito mais literal ou de outro, mais prático e tímido.

Louis Vuitton (Fotosite)

Ermenegildo Zegna (Fotosite)

Uma coisa é certa! Não é porque a calça é grandona que o corte não importa, pelo contrário: quanto mais impecável o corte, mais legal o caimento, o movimento da peça no seu corpo e a conversa entre ela e as outras peças que acompanharem o look. E não precisa queimar as suas calças skinny, tá? É só a moda fazendo o que ela faz de melhor, rodopiando em torno de si mesma, pegando novos caminhos com velhas botas, mas os caimentos slim seguem dando o nome (especialmente na hora de vestir um costume), e no fim das contas o que importa mesmo é vestirmos o que amamos e nos traduz, por mais louco ou óbvio que seja.

Marni e Palm Angels (Fotosite)

Trend pra ficar ligado, hein? O que vocês acham? Usariam?