Category: Música

O melhor do Rock In Rio 2013 – parte I

No final de semana foi dada largada na quinta edição do Rock In Rio. Na sexta-feira, Beyoncé roubou a cena cantando seus grandes sucessos e encerrando as apresentações da primeira noite. Mas o auge foi quando, sem ninguém esperar, a diva pop dançou ao som de “Passinho do Volante”, homenageando o funk carioca… “Ah, lelek, lek, lek…”

Ivete Sangalo, que é tiete assumida da diva americana, além de assistir ao show também se apresentou e fez piada com Beyoncé: “Aqui é de igual pra igual Bey”.

E David Guetta levantou o público com o eletrônico.

Já o segundo dia foi dia de rock, propriamente dito. A atração principal do Palco Mundo foi a britânica Florence Welch, que se segurou somente com voz, presença de palco e pés descalços.

Diferente da serenidade de Florence + The Machine, o 30 Seconds To Mars fez um show cheio de firulas, com o líder Jared Leto descendo de tirolesa por cima do público durante a apresentação de “The Kill”, um dos maiores sucessos do trio.

E ainda teve Muse.

No domingo, o pop voltou a reinar com Justin Timberlake e a apresentação mais elogiada do final de semana, tirando, inclusive, a atenção em cima de Beyoncé. O presidente do pop fez um mega espetáculo.

Enquanto Alicia Keys, além de cantar o mais recente sucesso “Girl On Fire”, convidou Maria Gadu para dividir os vocais com ela no primeiro de sua carreira, “Fallin'”.

E a divertida Jessie J também deu o ar da graça.

Fique de olho que o próximo fim de semana começa mais cedo para o Rock In Rio, na quinta, dia 19, com o esperado show do Metallica. See you soon!

10 motivos para Justin Timberlake ser o Presidente do Pop

Ontem, 25 de agosto, o Video Music Awards serviu para coroar de vez, ou melhor, eleger o Presidente do Pop. A noite, que era esperada pelas apresentações de Lady Gaga e Katy Perry, acabou reduzida a apenas um nome: Justin Timberlake. O astro recebeu o prêmio Michael Jackson Video Vanguard Award e mostrou no palco porque merece o novo título. Agora, nós só viemos confirmar isso com mais dez:

1. O único desertor de uma boyband que atingiu o sucesso em carreira solo

2. Namorou a princesa do pop quando ela estava no auge

3. De quebra é ator

4. Ficou 7 anos afastado da música e conseguiu voltar por cima

5. Tem o álbum mais vendido de 2013

6. É o único que compete páreo a páreo com Michael Jackson na dança

7. Tem um senso de moda invejável

8. A sensualidade então…

9. Fez a Taylor Swift e a Lady Gaga se jogarem duranta o VMA

10. Deixou a Janet Jackson pagando peitinho na TV mundial durante o Super Bowl

Justin, na moral, queria ser você. Te amo.

Robin Thicke, o atual rei da Billboard Hot 100

A América do Tio Sam foi surpreendentemente dominada pela música de Robin Thicke. E, como vem acontecendo com frequência nas paradas musicais do país, ele é do time de ilustres “desconhecidos” que estouram um hit de forma tão arrasadora, que acabam por deixar divas do pop, por exemplo, comendo poeira – como fizeram Gotye, fun. e Foster The People.

Mas o cantor, compositor e produtor não é exatamente um nome novo na indústria fonográfica. Além de cinco álbuns lançados, ele tem a assinatura em grandes sucessos consagrados. Agora, Thicke, depois de passar anos despercebido aos olhos e aos ouvidos do mundo, chega ao estrelato com “Blurred Lines” no número 1 do principal chart dos Estados Unidos.

5 motivos para adorar Macklemore & Ryan Lewis

Os novos “caras mais legais do mundo” no momento são Macklemore e Ryan Lewis. A dupla dinâmica dos Estados Unidos já tinha sua carreira solo, mas há uns anos atrás quando começaram a trabalhar juntos, viram que mandavam bem melhor unindo as forças – Macklemore é o MC da vez, e Ryan Lewis, seu fiel escudeiro produtor! Veja nossos 5 motivos para adorá-los!

1. Dance, dance, dance

Quem não adora dançar um hip hop? Músicas como Thrift Shop, tem uma batida bem nasty – além disso, eles entram também nessa onda de música de festa que domina o pop!

2. Os clipes são o máximo!

Adoramos artistas que curtem encarnar personagens nos seus clipes, ainda mais quando esses personagens são super canastrões. Os clipes de M&RL são muito bem produzidos, originais e quase sempre com uma atmosfera surreal.

3. Eles têm muito estilo.

Pode parecer fútil e há quem diga que a única coisa que importa no artista é a música. Mas sim, estilo importa sim! E os meninos mandam muito, agregando referências mesmo quando estão assumindo personagens nos clipes!

4. Eles são engraçados…

Artista marrento e que se leva a sério é um saco. Kanye West, a gente te ama, mas você é um chatinho de galocha, né? Desse mal, a dupla não vai morrer. Eles são divertidíssimos e debochados. Arma infalível no pop!

5. … mas sabem falar sério.

O primeiro single de sucesso dos dois foi Otherside Remix sampleando a música homônima do Red Hot Chilli Peppers, um desabafo de Macklemore após se afundar nas drogas e ter sentido que não fez sucesso na carreira por não seguir os padrões do mainstream. Além disso defendem o casamento gay na música Same Love. Em várias entrevistas, Macklemore protestou contra a homofobia na música mainstream, principalmente no Hip Hop.

11 covers de músicas pop por artistas indie

Muitos dizem que o pop é descartável, mas se realmente fosse, não curtiríamos muitos hits que fazem as pistas (e iPods) tremerem até hoje. Pra provar que muitas músicas pop entraram para nossa cultura de forma visceral, listamos 11 covers de hits pop por bandas indie. Selando de vez a paz entre esses dois mundos! S2

1. Womanizer por Franz Ferdinand

A banda de dance-rock mais legal do planeta faz esse cover digno de um dos últimos bons hits de Britney.

2. Fireworks por Yoko Ono

Espécie de avó dos indies/hipsters, fez brotar o underground que existia em John Lennon. Décadas depois, Yoko Ono choca a sociedade com essa estranha performance de Fireworks.

3. SexyBack por Corine Bailey Rae

A angelical e poderosa Corine Bailey Rae dá um tom de cabaret ao clássico-pegação de Justin Timberlake. Gravação da do programa Live Lounge da Radio1. [perdão pelo vídeo com foto de Jennifer Love-Hewit, era o único com essa versão]

4. Get Ur Freak On por The Ping Pong Orchestra

O gênio nem-tão-conhecido Shawn Lee comanda a The Ping Pong Orchestra na versão surf music desse clássico de Missy Elliot. Poderia fazer parte da trilha de Pulp Fiction.

5. Boderline por The Flaming Lips

Os adoráveis psicodélicos do Flaming Lips homenageiam a diva absoluta do pop com um de seus grandes clássicos.

6. Dirrrtylicious por Keane

A banda rock-sapatênis Keane mandou até que bem nesse mash-up de Christina Aguilera com Destiny’s Child. Alguma hora tinham que acertar!

7. Don’t Stop The Music por Jammie Cullum

O bom moço Jammie Cullum regrava a naughty girl Rihanna. Contraditório e maravilhoso!

8. Whip My Hair por James Vincent McMorrow

O irlandes banquinho-e-violão deu uma relaxada no batidão de Willow Smith. É legalzinha, mas tirou toda a graça da música. Mirou no cool, acertou no boring.

9. I Will Survive por Cake

O clássico dos clássicos dos covers pop. Arrisco até dizer que é mais legal que a original. #prontopolemizei

10. Starchic por Bonde do Rolê

O deboche do Bonde consegue até deixar a chata da Nicki Minaj legal. Nem preciso dizer que também acho melhor que a original.

11. Hit Me Baby One More Time por Travis

Outro representante do rock-sapatênis, Travis também homenageia a princesinha do pop (hahaha adoro esse apelido) com esse cover legalzinho. Podia ser aquele mané na festa que quer fazer uma média com as meninas e se fazer de cool. Mas é apenas o Travizzzz.

10 músicas que JÁ tem 10 anos! (+SoLastDecade_MXTP)

Eternos hits que tocam nas rádios e pistas até hoje já estão fazendo 10 anos em 2013. O ano de 2003 difinitivamente foi marcado pelo ingresso do Hip Hop Gangsta no pop. Quem não fez parceria com rappers na época, gravou rap sozinho. E também foi o ano em que todo mundo resolveu mostrar seu lado nasty para o mundo! Check it out!

1. Madonna | American Life

Madonna estava casada, com dois filhos e morando na Inglaterra. Vendo seu país natal de fora, Madonna ficou p*ta e resolveu se manifestar contra o american way of life e a política de George W. Bush. O menos vendido de Madonna, mas com certeza o mais maduro.

2. Christina Aguilera feat. Lil’ Kim | Can’t Hold Us Down

Christina resolveu se mostrar mais mulher em seu segundo disco. E quis provar que era latina from da guetto. Chamou Lil’ Kim pra cantar junto e David La Chapelle pra dirigir o vídeo. Acertou!

3. J.Lo | Jenny From The Block

J.Lo já era conhecida e chegou ao topo quando virou cantora. Mas quis mostrar pra todos que ela ainda era a mina da neighborhood e que não esqueceu de suas origens! Feat. Ben Afflek [que ela pegava na época] no vídeo.

4. 50cent | In Da Club

Não sou muito fã do 50cent, mas temos que admitir que In Da Club é muito boa. Com uma pegada de música de festa, não tem pista que não venha abaixo com esse hit.

5. Missy Elliot | Work It

Talvez a menos conhecida no Brasil na época, Missy Elliot voltou magra e mostrando o por que dela ser um dos melhores nomes femininos do Hip Hop.

6. Justin Timberlake | Rock Your Body

Terceiro single do álbum de estréia solo de Justin Timberlake, Rock Your Body é cheia de sensualidade e beats dançantes. Com um clipe incrivelmente colorido, foi mais um acerto de Justin.

7. Maroon 5 | Harder To Breath

Single de estréia do Maroon 5, mostrou que eles eram muito bons! Um PopRock [odeio essa definição, mas ok] sexy e safado que ajudou a alavancar a primeira posição de seu segundo single: This Love.

8. Beyoncé feat. Jay-Z | Crazy In Love

O hit da década.

9. Toxic | Britney Spears

Na verdade Toxic foi lançada em janeiro de 2004, mas definitivamente 2003 foi o ano de Britney Spears. Depois do disco Britney de 2001, ela ganhou o aval da rainha do pop ganhado [junto com Xtina] um french kiss no VMA de 2003. Após isso veio o álbum In The Zone em que as duas faziam parceria na faixa-título e que tinha Toxic, um clássico de sua carreira.

10. Kylie Minogue | Slow

Apenas a música mais sexy do pop. Kylie sempre linda, mostrou para as franguinhas do pop quem mandava nessa área.

Agora aproveitem essa mixtape pra relembrar todos esses hits.

SoLastDecade_MXTP by Felipe Caetano on Mixcloud

Arte da capa por Gustavo Steffen

 Bom fim de semana a todos!